Ainda há poucos dias estive a analisar e a instalar o serviço DropBox, e eis que me deparo com as novidades de um serviço que ainda não explorei a fundo.

SkyDrive Logo

O SkyDrive, serviço cloud da Microsoft está de cara lavada e vem com novas funcionalidades!

A lista é agradável, tanto mais não seja porque traz alguns serviços que me interessam e que considero importantes ter ‘à mão’ nos dias que correm.

A lista começa com:

  • um serviço de recuperação de chaves do serviço BitLocker, isto online, porque é possível guardar numa ‘pen‘ ou assim, mas online dá sempre jeito.
  • suporte para criação de documentos open source, nomeadamente dos formatos “OpenDocuments“. É algo que venho utilizando nas minhas aplicações Office, dado que quero manter a formatação entre aplicações.
  • aceder a ficheiros no nosso PC, mas a partir do interface web. Isto é, eu posso estar a milhas de distância mas consigo aceder a um documento que por uma razão ou por outra não coloquei na “cloud“.
  • encurtamento de URL, um serviço que já tem os seus anos, mas que é sempre bem vindo quando se trata de partilhar ficheiros.
  • partilha directa para Facebook, Twitter, MySpace e LinkedIn. Antes, em alguns serviços, era preciso copiar e colar o que se pretendiam partilhar, mas agora é directo. Além disso, também é possível partilhar para outra rede como a Weibo que opera mais no mercado Chinês. Interrogo-me se haverá partilha directa para o G+?
  • aumento do limite de cada ficheiro de 100MB para 300MB. Já era hora, porque serviços como DropBox permitem valores superiores e é sempre boa a concorrência: quer dizer que ficamos nós a ganhar.

Os serviços prestados já existem noutros concorrentes, um aqui e outro ali, mas aqui ficam agregados, o que se torna conveniente. É de notar que este serviço é disponibilizado de forma gratuita, portanto 25GB mais estes serviços todos é muito bom.

E considerar que há uns anos se pagava valores ainda consideráveis, tipo €50, para ter um alojamento online com pouco mais de 1GB. :D

Fonte

Endereço de Email

SEM COMENTÁRIOS

Partilha a tua opinião