[Teste RD] CamCard

A Intsig contactou o Revolução Digital para dar a sua opinião sobre duas das suas aplicações móveis mais famosas, a CamCard e a CamScanner. Estas duas aplicações já tiveram milhões de downloads e têm tido um feedback muito positivo por parte dos seus utilizadores. Hoje vamos ver com mais detalhe a aplicação CamCard.

Camcard_capa

Apresentação

A empresa INTSIG é especializada em reconhecimento de imagens, identificação de padrões e reconhecimento de escrita manual. É detentora de inúmeras patentes nesta área e trabalha com algumas das maiores empresas de hardware (Motorola, Samsung, HTC, Lenovo, ZTE). Recentemente decidiu lançar-se no mundo das aplicações móveis a apostou em aplicações que usam e abusam das suas mais valias: o conhecimento e as patentes.

Intsig-CamScanner

A segunda aplicação que lançaram chama-se CamCard e pretende resolver um problema antigo que é a organização dos cartões de contacto das empresas e dos seus vendedores. Muitos podem pensar que os cartões de visita já não são realmente utilizados, que agora é tudo virtual mas quando se está no terreno tem-se imediatamente a percepção que ainda estamos numa fase de transição.

Esta fase de transição acaba por ser pior do que o que pensávamos pois nós (pessoas que já estão habituadas às novas tecnologias) temos de conviver com os dois sistemas de contactos e, se tivermos coragem, temos de ser nós a passar o mundo material para o mundo digital a fim de organizarmos melhor a nossa informação e de conseguirmos usufruir das vantagens que a tecnologia nos proporciona.

A aplicação CamCard surge para simplificar o processo de transformação de cartões de papel em cartões virtuais e permite-nos organizar a informação e diminuir imenso a quantidade de papeis nos nossos bolsos :)

Funcionalidades

Como puderam ver no vídeo anterior, a aplicação CamCard tem a capacidade de guardar os cartões de visita e de contactos de uma forma simples e bastante lógica. Mas ao contrário de outras aplicações do género, o CamCard não se limita a guardar uma fotografia do cartão. Esta aplicação da Intsig é mesmo capaz de detectar os diferentes tipos de informação normalmente presente nos cartões (como o nome, número de telefone, email, empresa, cargo, etc…) e criar um contacto digital devidamente preenchido.

teste-rd_camcard_28 teste-rd_camcard_30

Na versão gratuita podemos armazenar até 30 cartões e na versão paga não temos qualquer tipo de restrições. Mas na versão grátis ao longo do tempo vamos ganhando mais espaço pois por exemplo na aplicação que tenho instalada já temos direito a 102 cartões (mas não sei como é que fui ganhando estes cartões :P). Ter tudo em formato digital acelera imenso a procura de um cartão pois a função de pesquisa procura em todos os campos preenchidos e muitas das vezes lembramos-nos apenas de um detalhe do contacto, tipo o nome da empresa ou o primeiro nome da pessoa ou apenas o local. É um dos malefícios do mundo digital porque antes éramos obrigados a fazer uma ginástica mental maior…

O utilizador também pode criar o seu próprio cartão virtual com o seu logótipo e os respectivos detalhes. Existe um modo manual para isso. Depois passa a ser um cartão como outro qualquer e pode ser partilhado de igual forma. Podemos ter dois cartões pessoais diferentes e ficam disponíveis logo no início da aplicação. Podemos também gerar códigos QR para cada cartão. A partilha de cartões pode ser feita via SMS ou por email. Não é possível partilhar o cartão numa rede social, mas podemos partilhar o QR Code. Talvez tenha sido esta a forma mais simples e moderna de uniformizar a informação, apesar de também obedecer ao formato standard de partilha de contactos.

teste-rd_camcard_16 teste-rd_camcard_15

Nos dias que correm a moda é interagir com a Cloud e a aplicação CamCard também nos permite aceder a uma Cloud (privada da IntSig) para fazermos backup dos nossos cartões e para podermos transportar facilmente os cartões para outro dispositivo ou sistema operativo (como o iOS). Esta Cloud é gratuita.
A aplicação CamCard também faz uso da tecnologia NFC para troca de cartões. Basta encostar dois telemóveis com o NFC ligado, com a aplicação CamCard instalada e seleccionar quais os cartões que queremos partilhar. Quanto aos contactos lidos dos cartões, estes podem ser incluídos na lista de contactos do smartphones.

A aplicação CamCard está desenvolvida em 16 línguas diferentes (incluindo Chinês e Português).

Para o mundo profissional a IntSig desenvolveu uma outra aplicação chamada CamCard Desktop que permite colocar vários cartões numa máquina de scanner e tratar vários cartões ao mesmo tempo.

camcard_scanner_escritorio

Existe também uma versão para tablets, o CamCard HD. As únicas diferenças são as dimensões da interface que estão adaptadas a um ecrã maior e a capacidade de ver mais cartões em simultâneo (no telemóvel só dá para ver um de cada vez).

Utilização

A aplicação CamCard encontra-se de momento disponível para os sistemas Android, iOS, Blackberry e Windows Phone 7. Durante o nosso Teste RD apenas tivemos a oportunidade de experimentar esta aplicação da IntSig num dispositivo Android, mais propriamente um HTC One V com o Android 4.0.3. A versão testada é a CamCard Free v3.2.0. A publicidade aparece no fundo do ecrã e é apenas exibida quando estamos a visualizar o conjunto de cartões guardados.

teste-rd_camcard_06 teste-rd_camcard_07

Quando acedemos à aplicação vemos 3 botões em destaque: “Take Photo”, “Select Photo” e “Card Holder”. No topo temos o nome da aplicação e uma zona onde aparece o nome que demos ao nosso cartão. No fundo do ecrã temos o botão Settings, Backup, Login e Buy (esta última deverá desaparecer na versão paga).

É preciso conhecer a aplicação para saber que para acedermos ao nosso cartão é necessário clicarmos no nosso nome. Não existe qualquer tipo de botão ou indicador visual a dizer que é ali mesmo. Apesar de nos serem exibidas umas primeiras mensagens sobre o modo como podemos utilizar a aplicação CamCard, a opção de Ajuda não está logo disponível. Temos de aceder primeiro à opção Settings, onde se tem acesso às várias opções e a ajuda é muito baseada em imagens e passos. Ao fim de uns minutos é tudo muito intuitivo :)

teste-rd_camcard_14 teste-rd_camcard_11

Podemos criar um cartão a partir do nada ou então podemos criar um cartão a partir de um cartão de contacto que alguém nos entregou. Caso optemos por criar um contacto do nada, a IntSig disponibiliza-nos vários templates de cartões e podemos tirar uma foto de um logótipo para utilizarmos na parte de trás do cartão. Os nossos detalhes irão ficar localizados apenas num dos lados do cartão.

A opção mais fixe é mesmo quando estamos a criar um cartão a partir de um cartão de papel. Basta tirarmos uma foto de ambos os lados que depois a aplicação encarrega-se de reconhecer os dados e de os colocar nos campos certos. Parece magia! :D

Claro que nem sempre é possível reconhecer todo o tipo de informação presente no cartão. Se for um cartão que utilize um tipo de letra muito fora do habitual, então poucas coisas resultam. Depois de fazermos o “scanner” do cartão podemos sempre editar a informação e completar com o que falta.

teste-rd_camcard_09 teste-rd_camcard_24

Todo o processo que decorre desde o recebimento de um cartão até o termos guardado no nosso smartphone pode demorar entre 10 segundos (no caso perfeito) e 1 minuto (caso muito pouca informação tenha sido detectada). Mas na maior parte das vezes é muito rápido e fácil. O truque está em tirar uma fotografia com bastante luz.

Quando estamos num ambiente escuro, como num restaurante à noite, numa reunião de negócios onde trocamos os cartões, então é natural que a fotografia não tenha qualidade desejada e a tarefa do CamCard é muito mais difícil. É aqui que falha mais, ou melhor, é quase mesmo impossível. Se não colocarmos o flash a imagem fica tão escura que nem o scanner nem a máquina conseguem descortinar a informação do cartão. Se colocarmos o flash activo então, devido à distância requerida para tirar a foto ao cartão (cerca de 10cm) o flash faz com que 70% do cartão fique completamente branco aniquilando assim qualquer possibilidade de ler o cartão.

Leitura boa:

Leitura má:

A aplicação CamCard está desenhada para ser utilizada principalmente no formato vertical. Apenas conseguimos utilizar a aplicação no modo horizontal quando estamos a mostrar o nosso cartão pessoal a alguém ou quando estamos a tirar a fotografia de um cartão. Detectamos algumas pequenas falhas na rotação do ecrã, mas nada de grave.

O serviço de Backup apenas nos permite guardar a informação na Cloud privada da IntSig e portanto temos de efectuar um registo (gratuito) nos seus serviços. Para além de conseguirmos restaurar os cartões guardados anteriormente (muito útil para quando perdemos ou estragamos o smarphone) também podemos consultar a informação através de uma página Web da aplicação CamCard.

teste-rd_camcard_01

Ao ler outras opiniões sobre a aplicação CamCard e tendo em conta o feedback das pessoas que a utilizam por este mundo fora, esta é uma das aplicações que ocupa firmemente um lugar no conjunto das melhores aplicações móveis. Contudo existem algumas pessoas que se queixam de erros e das limitações da versão gratuita. Acho que quem reclama não tem razão e quanto aos erros eu não presenciei nenhum. Desde que instalei o CamCard que tenho tido actualizações e até mesmo alguns bónus. Por exemplo, já posso guardar mais alguns cartões.

teste-rd_camcard_13 teste-rd_camcard_32

A partilha do cartão pode ser feita de várias maneiras. A mais fácil é mesmo o NFC, ou então a utilização de um QR Code, mas isto requer que o nosso cartão esteja guardado no serviço online para que as outras pessoas lhe possam aceder. Mas a IntSig também programou o CamCard para exportar o cartão pessoal no formato vCard, o standard deste “negócio” e portanto não temos qualquer problema em enviar cartões para outros programas como por exemplo o Microsoft Outlook. Perdem-se é as imagens pois estas não fazem parte do standard. :P

No caso mais simples, partilhar o cartão por email e por SMS. No caso do SMS recebemos todos os campos presentes no cartão (é possível editar a mensagem caso queiramos ocultar alguma informação) e no caso do email vão também as imagens associadas ao cartão e um ficheiro próprio para ser importado noutra aplicação CamCard.

Resumindo e Concluindo

O CamCard é uma aplicação muito útil para todas as pessoas. Quem é que não tem o número do mecânico automóvel no seu smartphone, ou de um canalizador? Os cartões pessoais podem ter caído um pouco em desuso no mundo onde o pessoal de IT mas acreditem, ainda há muitas pessoas a utilizar cartões de papel e existem inclusive novos negócios online para a construção e impressão destes cartões. É um mundo enorme que dificilmente irá acabar.

Com o CamCard temos a oportunidade de ter este mundo no nosso smartphone. Poupa-nos espaço, chatices mas torna-nos ainda mais dependentes do smartphone (e claro, da sua bateria :P ).

Existem duas versões do CamCard. O CamCard Free e o CamCard HD. A versão gratuita apenas permite guardar 30 cartões. Pode parecer que é muito mas quando virem a utilidade desta aplicação, rapidamente esgotam os cartões disponíveis.

Camcard_escritorio

Na AppStore esta aplicação custa 2,69€ (Tem quase 24 milhões de likes no iTunes!). Na versão Android tem um preço de 2,36€. Para a versão HD existe uma licença que custa 5,99€. Também existe uma versão Business que custa 9,99€!

De todas as aplicações do género a CamCard é a aplicação mais cara, mas relativamente às funcionalidades e à qualidade, no mundo iPhone o preço é justo mas no mundo Android é uma aplicação demasiado cara em comparação à concorrência.

Pontos a favor :)

  • Simples
  • Actualizações regulares
  • Serviço na Cloud
  • Comunicação com outras aplicações

Pontos contra :(

  • Precisa de boa luminosidade
  • É a mais cara das aplicações do género
Selo RD - Platina

O que significa este selo?

Para terminar resta-me agradecer a vossa companhia em mais um Teste RD e colocar-me à vossa disposição para qualquer dúvida, crítica ou sugestão que tenham!
Se ainda não conhecem a outra aplicação da IntSig, visitem o Teste RD feito ao CamScanner para ficarem a conhecer mais.

Endereço de Email

Uma resposta

  1. lp032

    eu vou adorar esta aplicaçao. ja tinha procurado algo assim. mas esta parece ter tudo bem preparado e a funcionar mt bem. vamos la testar isto.

    Responder

Deixar uma resposta

O teu endereço de email não será publicado.