Serviços

0 115

Um dos problemas que afetava os utilizadores que mudavam de um iPhone para Android ou Windows Phone estava relacionado com a anulação do seu registo no serviço iMessage. Para contornar isso, a Apple lançou uma nova ferramenta que permite anular esse registo de forma bem mais simples e via web.

Desistir do iMessage é agora bem mais fácil

O iMessage é um serviço de mensagens instantâneas, lançado em 2011, que permite a troca de mensagens através de uma ligação à internet, sem qualquer custo, tal como o WhatsApp e tantos outros serviços semelhantes.

Para anular o registo basta aceder a um site através de qualquer browser

O grande problema que este serviço estava a provocar aos utilizadores que mudavam de plataforma era a impossibilidade de receber SMS no seu novo equipamento. Digamos que é de facto ligeiramente chato.

É para isso mesmo que existe agora o Deregister iMessage.

Deregister iMessage

Sendo um serviço baseado na web, basta aceder ao site lançado e introduzir o nosso número de telemóvel. Posto isto será enviada uma mensagem de texto, para o mesmo número, com um código de desbloqueio e basta introduzi-lo de volta no site para concluir o processo.

É ainda possível anular o registo através do antigo iPhone

Caso ainda tenhas contigo o teu reformado iPhone, podes também fazer a anulação do serviço através do mesmo. Basta ir a opções, mensagens e desligar o iMessage.

Com isto quem decidiu abandonar o mundo Apple para se juntar a uma das plataformas móveis concorrentes vê resolvido uma situação que andava a incomodar há uns tempos.

Obrigado Apple!

0 162

Com a chegada de equipamentos com armazenamento interno até 128GB, os backup´s completos começam a ser algo difícil de se fazer para a cloud, principalmente devido às limitações de espaço. Para contrariar isso o iDrive vai passar a oferecer espaço ilimitado para guardar todos os nossos dados.

iDrive oferece espaço ilimitado para backup de dispositivos

3 148

A cantora Taylor Swift, mandou retirar ontem todos os seus álbuns dos Spotify, numa medida que não sendo propriamente nova, atraiu bastante atenção dos media, principalmente porque a decisão incidiu apenas nos serviços de streaming, deixando “de parte” o iTunes.

(C) Elena Scotti/The Daily Beast
Elena Scotti/The Daily Beast

1 56

Serviços como o AirDroid e o AirDrop vieram mudar a forma como transferimos ficheiros entres os nossos computadores e os smartphones. Contudo uma desvantagem destes serviços está na exclusividade de plataformas de cada uma. Nesse sentido, a Google parece estar a desenvolver uma aplicação, o Copresence, que envolva várias plataformas e que permita uma eficaz comunicação entre o Android e o iOS.

Google Copresence quer facilitar comunicação entre Android e iOS

Transferência de ficheiros entre Android e iOS

As informações que chegaram a público referem que a Google tem em mãos um projeto, com o nome de Copresence, que permitirá a troca de dados entre dispositivos Android e iOS.

A descoberta foi feita aquando da análise da nova APK do Google Play Services. Foi nela que se encontraram imagens com equipamentos a sorrirem, a estabelecerem conexão entre eles e a partilhar informações.

A comunicação entre os dispositivos será estabelecida através da localização ou por Bluetooth, enquanto a transferência de dados será feita por WiFi. De entre vários tipo de dados será possível trocar ficheiros, mensagens, músicas e direcções.

Google Copresence

Google Chrome parece ser o próximo passo

Existem ainda informações que envolvem o Google Chrome, deixando assim adivinhar que esta nova funcionalidade venha a ser alargada aos computadores, através do browser da Google.

Quanto à disponibilidade desta nova funcionalidade, apenas é referido que ela possa chegar nas próximas semanas.

Estas informações são apenas teóricas, não sendo ainda conhecida em detalhe a forma como tudo isto funcionará na realidade.

Ainda assim, o que achas desta nova ideia? Acreditas que o Google Copresence possa ser útil?

2 5

O Governo Húngaro, como forma de contrariar um défice público excessivo (onde é que eu já ouvi isto), está a estudar a criação de um imposto sobre a transmissão de dados pela Internet, em que as operadoras serão obrigadas a pagar ao estado 150 forints (0.49€) por cada Gigabyte transmitido.

Governo Húngaro quer criar imposto sobre o tráfego internet

Junta-te a nós!

9,114FãsLike
3,858Subscritores+1
1,242SeguidoresSeguir
984SeguidoresSeguir
3,079SubscritoresSubscrever

Últimos Testes RD

10 908
Testámos o mais recente smartphone Android de topo da LG. Queres saber o que vale este interessante LG G3? Contamos-te tudo já de seguida!